Páginas

sexta-feira, 31 de maio de 2013

LANHESES NA COMUNICAÇÃO SOCIAL.

No seguimento da manifestação de ontem em protesto contra o fecho do posto de atendimento dos CTT na aldeia de Lanheses a comunicação social vai reportando o evento!

http://expresso.sapo.pt/grandola-cantada-em-protesto-contra-encerramento-dos-correios-de-lanheses=f810748

Neste caso publicado no semanário "Expresso"!

Algo vai muito mal, neste mau país, onde as pessoas são tratadas pelas elites, como autêntico lixo, tal a indiferença que se sente face aos problemas do cidadão comum...

UM FACTO CONSUMADO! FECHO DO POSTO DOS CTT - LANHESES.

Facto consumado!
 
 
Uma imagem que tende a não se repetir. Aquelas letras vermelhas vão desaparecer, pelo menos daquele local. A faixa negra em sinal de luto justifica-se plenamente! Os correios em Lanheses, tal como os conhecemos, morreram!
 
 
O posto dos CTT em Lanheses sito no Largo da Feira ou Largo Capitão Gaspar de Castro tal como o conhecemos há já muitos anos, encerra portas e em breve o serviço público que era ali prestado terá continuidade nas instalações de um bem conhecido comerciante local, sito também este espaço comercial, no já referido largo, um pouco mais para oeste da localização a que todos estão habituados.
 
Para hoje (quinta-feira dia 30) tinha sido convocada pelos órgãos de soberania competentes, nomeadamente a Junta-de-Freguesia quer de Lanheses, quer das vizinhas localidades, cujo posto dos correios serve as populações locais, para uma concentração/manifestação de  protesto contra o encerramento do já referido posto de correios.
 
Um grupo numeroso de lanhesenses na sua maioria (justificava-se perante a gravidade da situação uma presença mais significativa de populares das aldeias vizinhas assim como os seus representantes autárquicos) mas em muito menor número quando comparado com a presença popular na manifestação anterior contra o mesmo fecho, mostrou perante muitos curiosos, jornalistas e a televisão, o seu enorme descontentamento quanto a este assunto.
 
 
Clique na imagem e nas seguintes para ampliar.
 
 
 
 
 
 
 
Fazendo uso da palavra ao microfone o edil lanhesense, professor Ezequiel Vale, teceu várias considerações acerca da extrema importância que este posto de atendimento dos CTT representa para alguns milhares de pessoas espalhadas pelas várias aldeias das cercanias de Lanheses, nomeadamente e na sua maioria, pessoas idosas que não dispõem de meios físicos que as permitam deslocar para outras localidades de modo a usar este serviço. Explanou também o facto de o executivo que lidera ter sido sondado pelos CTT PORTUGAL para que este serviço se transferisse para o edifício sede da Junta-de-Freguesia e todas as condicionantes que levou o executivo a declinar a proposta, numa espécie de explicação e ao mesmíssimo tempo, de justificação. No final do discurso, apelou à união entre todos os aldeões para que se galvanizem e tomem parte activa nesta batalha contra o encerramento desta agência. Foi brindado com grandiosa salva de palmas! Seguiu-se-lhe no uso da palavra a jovem Elvira Soares apelando, com simples discurso, contra o fecho desta agência e evocando os motivos que levam alguns milhares de pessoas a necessitar deste mesmo serviço público perto da porta de suas casas. Nova salva de palmas! No final ouviu-se um tímido "Grândola Vila Morena" entoado por uma bela voz feminina acompanhado por algumas outras poucas vozes, para no final ser brindada com salva de palmas e alguns gritos de alguns aldeões menos conformados e bastante irritados com toda esta lamentável situação!
 
 
 
Ezequiel Vale, usando da palavra.
 
 
Cartaz com a nomenclatura das freguesias que se servem deste posto dos correios em Lanheses!
 
 
 
A jovem Elvira Soares usando da palavra. Belíssimo exemplo de atitude cívica da parte desta adolescente, natural de Lanheses!
 
 POPULARES REVOLTADOS COM ESTA SITUAÇÃO!
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Todos estes rostos de gente anónima mereciam no mínimo respeito pela classe política que uma vez mais à custa do sacrifício do cidadão comum vai cortando a torto e a direito de modo a que a questão - cada vez menos Estado - se faça sentir, e bem!!!! É de uma falta de humanidade tal, que se privem pessoas idosas algumas delas com total falta de meios de locomoção que lhes permitam dirigir-se a uma agência dos CTT próxima (a alguns quilómetros de distância, refira-se) e resolver os seus assuntos ou até então privar o fomento da economia local com o fecho desta agência, ignorando totalmente as pretensões e demandas do comércio e sector empresarial local!!! Tudo por questões economicistas! Onde ficam os direitos das pessoas senhores deputados, senhores ministros e mesmo senhor Primeiro-ministro!?! Onde!?!
 
 
Desta vez o autor do blogue preferiu manter-se um pouco afastado desta manifestação, nem proferindo palavras de incentivo como lhe foi solicitado, primeiramente por considerar o seu timing completamente errado, (apesar de estar de totalmente de acordo com o facto de as pessoas se manifestarem livremente), dado que é facto consumado o fecho da agência dos CTT nos moldes em que se conhece. É certo; vão surgir notícias nos jornais, na rádio e até na tv, mas de nada servirão apenas porque simplesmente, o destino desta agência assim como de outras quatro próximas está mais do que traçado, por motivos meramente economicistas; em segundo e mais importante, e perdoem a franqueza, o autor do blogue continua a pensar que a grande manifestação de protesto, a grande manifestação de descontentamento, se faz no dia de eleições em que o cidadão pleno das suas capacidades cognitivas faz a cruzinha no devido quadrado do boletim de voto e não no quadrado errado, arriscando-se a entregar o país a um bando de larápios e ignorantes, como há anos a esta parte o vem fazendo! A ignorância é a culpada de muitos dos grandes males deste mundo!
 
Nesta vida temos de ser totalmente coerentes!
 
As nossas afirmações têm de ir ao encontro das nossas atitudes e posições, e uma vez mais perdoem a franqueza de quem estas linhas escreve, mas, como poderão pessoas que votam na ideologia de direita apregoar banalidades contra o investimento privado, criticando-o até, quando uma das grandes bandeiras dos governos de direita é precisamente a bandeira da livre iniciativa privada! Muitos dos que hoje protestam (vários deles já idosos) foram os mesmos que em dia de eleições, o tal dia de protesto, fizeram, continuam e continuarão a fazer, a cruzinha no quadrado errado! Podem afirmar que também foram enganados com falsa propaganda e campanhas eleitorais falaciosas, o que é da mais elementar verdade e com o qual o autor deste blogue concorda plenamente!
 
Um popular revoltado abandonando a manifestação/concentração, proferia as seguintes palavras: - Votaram no PSD e agora vêm criticar os privados...vou mas é embora!
 
Foram-se os correios?
Não, não foram, vão funcionar num comércio local. Privado, diga-se! Agora, em Lanheses quando depositar uma carta, ou pagar a luz, a água ou outro tipo de afazeres, poderá ao mesmo tempo, caso lhe apeteça, comprar um LCD, um PLASMA, ou até mesmo um telemóvel última geração!!!
 
Com a livre iniciativa privada, que muitos puseram com o seu voto errado em lugares governativos, pode o autor do blogue aconselhar que vão então preparando também manifestações contra o encerramento do Centro de Saúde de Lanheses, da poeira que vai varrer esta bela aldeia quando a cimenteira se instalar no Parque Empresarial de Lanheses produzindo cimento (Atenção, tudo está parado mas os investidores não!) e quando os Cratos, Coelhos e Gaspares, com o silêncio conivente dos Portas deste país, entenderem, fazendo belas contas em torno de uma mesa redonda, que o Agrupamento de Escolas de Arga e Lima está a custar muito ao Estado para o "diminuto nível" de alunos que suporta, podendo tudo diluir num mega agrupamento localizado em Viana do Castelo ou até em Ponte de Lima...vila que apregoa ser muito antiga, dinâmica e não dever nada a ninguém!
 
Vão preparando os cartazes!
Pois nem estes últimos anteriormente citados escaparão!
 
É para cortar a torto e a direito...
 
 
Resignados? Não!!!
 
 
Mesmo assim, o autor do blogue lamenta profundamente que um serviço público de qualidade, isento, de todos e para todos, tenha encerrado desta forma...tão abrupta!
 
Tão insensível!!!
 
 
 
P.S. - Quem eventualmente possa pensar que esta última parte deste post é um ataque cerrado ao executivo que compõe a Junta-de-Freguesia, desengane-se e pare de esfregar as mãos, pois o autor do blogue continua a ter a opinião de que esses três homens continuam nesta aldeia, a realizar um trabalho notável!

quarta-feira, 29 de maio de 2013

ENCERRAMENTO DO POSTO DOS CTT - LANHESES

CONVOCA-SE A POPULAÇÃO LANHESENSE PARA UMA CONCENTRAÇÃO CONTRA O ENCERRAMENTO DA AGÊNCIA DOS CTT, POSTO DE LANHESES, QUE ESTÁ EM VIAS DE ENCERRAR E DE SE MUDAR PARA UM OPERADOR PRIVADO!
 
 
 
 
QUINTA-FEIRA 30-05-2013, pelas 18h30m!
 
SE QUER MANTER E CONTINUAR A USUFRUIR DE UM SERVIÇO ISENTO E DE QUALIDADE MANIFESTE-SE CONTRA ESTE ENCERRAMENTO!
 
 
 

PONTO DE ENERGIA NO PARQUE VERDE.

Um novo ponto de energia foi criado na área do Parque Verde, junto à Avenida Rio Lima, o que permitirá no futuro, tornar aquela área no que toca a realização de variados espectáculos, independente em termos energéticos, nomeadamente quando cai a noite também!
 
João Rios, funcionário da Junta de Freguesia executando trabalhos de acabamento.
 
 
Mais um incremento positivo numa área já de si muito bem incrementada!
 
 
 

segunda-feira, 27 de maio de 2013

UMA MENTE ATORMENTADA!

Uma mente atormentada
uma alma consumida
uma mentira jocosamente pregada
como talvez fosse possível enganar a vida...
 
Um grito, um uivo, um suspiro,
uma queda, uma perna partida,
no escuro, aquele sonoro tiro,
no coração, uma bala perdida...

Sangue, lágrimas e confusão
ansiedade, devaneios da mente,
carne retorcendo no chão
 
ao tenebroso som de uma dor tão premente
sentindo a desilusão
e o desespero, como sente toda a gente!
 
 
(do autor Sérgio Moreira, ao som de "The Doors")

 

domingo, 26 de maio de 2013

À BEIRA-RIO...Soneto.

À beira-rio sentindo
à beira-rio escutando
a natureza ouvindo
milhentos tons observando.
 
 
 
 
 
Procurando acalmia
 mil demónios expulsando
que, no interior da carne com nostalgia,
o espírito vão galgando.
 
Leves horas de prazer
um grito, no silêncio solto,
na natureza espairecer
 
os tais mil demónios espantando!
Para o rio sempre me volto
inquieto espírito sossegando...
 
(do autor Sérgio Moreira)
 
 
 

sábado, 25 de maio de 2013

PRAZERES da VIDA - Iª Tertúlia de 2013.

Num extraordinário ambiente de total descontracção decorreu a primeira tertúlia de 2013 organizada pela edilidade lanhesense, na belíssima sala da biblioteca, sita no edifício da Junta de Freguesia.
 
Às vinte horas, conforme estava marcado, os tertulianos inscritos para esta tertúlia foram ocupando os lugares que lhes estavam destinados, acompanhados pelo som melodioso entoado pela jovem Ivone, dona de uma voz pura e cristalina e numa breve locução, Ezequiel Vale, deu como iniciada esta primeira tertúlia.
 
A jovem Ivone entoando intimistas temas musicais, acompanhada por música gravada.
 
 
Ezequiel Vale dando início à primeira tertúlia. 
 
 
Começaram-se então a degustar as entradinhas, compostas por empadas e costela embebida em vinho tinto, uma delícia refira-se, tudo acompanhado pelo primeiro vinho da noite, o branco e ouvindo a jovem Ivone entoando música portuguesa.
 
Muitas caras novas nesta primeira tertúlia e algumas já repetentes, compunham a sala, para em seguida Ezequiel Vale propor com copo meado de vinho branco, o primeiro brinde da noite, o brinde à amizade e o único brinde que se repete por todas as tertúlias.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Desta vez foi lançado o repto que por cada mesa se escrevessem em folha branca cinco prazeres da vida, para depois em pé serem apresentados à sala. Daí advieram os mais variados resultados com trinta cabeças a pensarem de modo diferente, e muitos foram os prazeres da vida que os tertulianos apresentaram, desde viajar, conhecimento, cultura, amizade, filhos, família e da parte do autor deste blogue, como não poderia deixar de ser, Lanheses, um dos seus mais eloquentes e enormes prazeres, entre muitos outros.
 
Para o jantar foi servido um suculento repasto, estufado de bochechas de porco acompanhado por arroz de legumes, cozinhados pelo Filipe e pela Esmeralda, os cozinheiros de serviço, que uma vez mais arrancaram enormes elogios da parte dos convivas, tão saboroso e divinamente confeccionado estava esta prato.
 
Enquanto os convivas jantavam, o mesmo jantar foi acompanhado de novo pelo som melodioso da jovem Ivone, entoando várias melodias.
 
Após este, foi tempo dos tertulianos privarem e lerem vários textos quer da sua autoria, como o do autor deste blogue, como o de Rosa Maria Franco, como o de Esmeralda e como o de Judite Caldas.
 
O autor do blogue, feliz, após a leitura do seu poema.
 
 
Qual o significado da palavra viver?
Se nesta vida não se sente o prazer
tal como o do chocolate negro nos lábios a derreter,
doce café da manhã vendo o Sol a nascer!

Qual o verdadeiro significado da palavra amar?
Se nesta vida não procuramos o prazer
soltar amarras, por este mundo viajar,
o diferente, o belo, o desconhecido, conhecer!

Qual o significado da palavra vida
se mesmo vivendo, mortos estamos,
quando para os prazeres da vida não despertamos
e esta vida vivida somente é sofrida!

Solte um grito:
- Não! Aqui eu não fico!
Daqui vou partir
viver, vou sorrir,
daqui vou à aventura
sem medos, a vida é ternura
e não vou mentir
se vos disser que me vou embebedar
comer até rebentar
os amigos, com carinho, abraçar,
quem amo, ainda mais amar,
pelo pólos ao equador, sempre a viajar
e...daqui a uns anos um homem já velho
um caco, um relho,
embora feliz, cerrando os olhos e tudo relembrar
que a minha vida vivida
tão minha, tão querida,
tanta emoção verdadeiramente sentida
agora por fim, está a terminar!

Mas...valeu a pena!

E agora vocês à minha questão vão responder
tal como promessa para sempre mantida
-Que adianta viver esta vida sem dela obtermos prazer?
Por certo só valerá...provando dos prazeres da vida!

(do autor Sérgio Moreira)
 
 
 
Esmeralda lendo o seu apontamento sobre os prazeres da vida.
 
 
Judite Caldas, lendo por sua vez o seu apontamento.
 
 
Rosa Maria Franco, lendo poema da sua autoria.
 
 
Prazeres da vida...
Prazeres da vida...
 
Prazer de vida...
Sonho que se sonha,
A qualquer momento,
Mesmo sem tempo!
 
Ah, como se esquecem
As suas desditas!
E como são tantos!...
Prazeres da vida!...
 
Numa noite de luar
Uma sardinha a assar
e a pinga a pingar!
É festa de S. João.
Oh, que emoção!
Marcham as senhoras,
em grande animação.
Um prato de cabrito
Jogo no campo
Ouvem-se gargalhadas!
A velha foi serrada
A vaca apanhada
Oh, vem a noite...
As caipirinhas
São inspiração
Para a discussão
Por tudo e por nada.
O calor do forno
Pela noite dentro
Coze o barro
E dá alento
Aos foliões do evento.
 
Prazer de vida...
Prazer da vida...
 
Ah, como se sonha
No barco Arriba
Os barqueiros de outros tempos
Os pescadores do presente
Uma lampreia na rede
Outra e mais outra...
Uma lampreiada no campo de tiro
 
Prazeres de vida...
Prazeres da vida...
 
Soam os cantares
Saboreiam-se iguarias
Partilham-se testemunhos
Tudo fica na memória
O canto da sereia
A magia do piano
Deixam nos tertulianos
O agradecimento
Aos que sonham
E fazem sonhar
E sentir
 
Prazer na vida...
Prazeres na vida...
 
(de Rosa Maria Franco, com a devida autorização para ser publicado no blogue) 
 
 
 
Manuela Rios apresentou um dos seus prazeres da vida, os licores e brindou os presentes com uma frugal degustação dos mais variados que levou para esta tertúlia. Deliciosos, especialmente (gosto pessoal) o de limão.
 
 
 
 
Entre animadas conversas, muito ruído à mistura, as luzes da sala várias vezes desligadas pelo "condutor" da tertúlia impondo silêncio aos barulhentos tertulianos e depois das mais variadas sobremesas terem sido degustadas, assim como o brinde com verdadeiro "Champagne français" servido pelo amigo Doro Cunha, esta noite caminhava para o final, não sem antes se brindar também a Piedade, funcionária da Junta de Freguesia, com um sonoro "Parabéns a você", para ela dia de aniversário.
 
Delicioso...qual será a mulher que resiste ao "Champagne"... 
 
 
O "patrão" homenageia a funcionária...estes funcionários bem o merecem!
 
 
Piedade, Ana e Lídia Baptista, assim como João Rios, de parabéns por uma noite brilhantemente servida!
 
 
Hora de se servirem as mulheres...
 
 
Muita alegria na despedida...
 
 
Uma excelente iniciativa e uma brilhante forma de se abrir ao munícipe um espaço para onde normalmente o mesmo só se dirige para resolver assuntos ou problemas vários, e que este executivo tão bem tem sabido explorar, abrindo as portas da Junta de Freguesia da aldeia, aos aldeões!
 
Ao Ezequiel, Hélio, Ana, Lídia, João, Piedade, Esmeralda e Filipe sinceros parabéns pela excelência da noite que se viveu!
 
Venha de lá a próxima...
 
 

sexta-feira, 24 de maio de 2013

PRAZERES da VIDA - Um poema para a Iª Tertúlia de 2013.

Qual o significado da palavra viver?
Se nesta vida não se sente o prazer
tal como o do chocolate negro nos lábios a derreter
doce café da manhã vendo o Sol a nascer!

Qual o verdadeiro significado da palavra amar?
Se nesta vida não procuramos o prazer
soltar amarras, por este mundo viajar,
o diferente, o belo, o desconhecido, conhecer!

Qual o significado da palavra vida
se mesmo vivendo, mortos estamos,
quando para os prazeres da vida não despertamos
e esta vida vivida somente é sofrida!

Solte um grito:
- Não! Aqui eu não fico!
Daqui vou partir
viver, vou sorrir,
daqui vou à aventura
sem medos, a vida é ternura
e não vou mentir
se vos disser que me vou embebedar
comer até rebentar
os amigos, com carinho, abraçar,
quem amo, ainda mais amar,
pelo pólos ao equador, sempre a viajar
e...daqui a uns anos um homem já velho
um caco, um relho,
embora feliz, cerrando os olhos e tudo relembrar
que a minha vida vivida
tão minha, tão querida,
tanta emoção verdadeiramente sentida
agora por fim, está a terminar!

Mas...valeu a pena!

E agora vocês à minha questão vão responder
tal como promessa para sempre mantida
-Que adianta viver esta vida sem dela obtermos prazer?
Por certo só valerá...provando dos prazeres da vida!

(do autor Sérgio Moreira)

quinta-feira, 23 de maio de 2013

DESFRUTANDO NO LIMA!

Uma imagem de algo que ao autor desta página virtual muito fascina; três elementos, sol, água e vento, desfrutando das águas do Lima...
 
 
Imagens captadas junto aos "Seixos", no Lima em Lanheses.
 
 
 
 
 
VIVER, TODOS VIVEMOS...SABER VIVER É QUE JÁ PODE SER CONSIDERADO UMA CIÊNCIA...
 
 
 

XXIII SEMANA CULTURAL. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ARGA E LIMA.

O ano lectivo escolar está mesmo a terminar e uma vez mais o Agrupamento de Escolas de Arga e Lima levará a cabo a sua tradicional semana cultural com várias actividades destinadas aos alunos e encarregados de educação.
 
Para o efeito aqui se divulga o cartaz e panfletos correspondentes, com o descriminar das várias actividades.
 
 
 
 
Clique na imagem para ampliar.
 
 
Idem.
 
 
Votos de uma excelente semana cultural!
 
 

quarta-feira, 22 de maio de 2013

VIANA, COMO O AUTOR DO BLOGUE NUNCA VIU!

Uma imagem da Rua Mateus Barbosa nos idos anos 60, a preto e branco, como não poderia deixar de ser, retratando uma cena, um pormenor da cidade como o autor do blogue nunca viu!
 
Toda ela revestida de importância e significado, ao mostrar-nos como era a vida de então, onde na rua ainda se cruzava o carro puxado por gado e ao mesmíssimo tempo a tecnologia (ainda que algo arcaica) representada pelo camião de mercadorias, numa espécie de titânica luta entre passado e futuro!
 
 
Desde as fachadas dos prédios e o arruamento (ainda) em bloco de granito, ao traje do moço que conduz o carro de bois, toda esta imagem transpira memória e lembrança, não para o autor deste blogue, pela data de nascimento se vê impossibilitado de relembrar assim Viana do Castelo, excepção feita aos arruamentos compostos de blocos de granito, mas talvez, muitos que possam ler esta mensagem se possam lembrar de tempos há muito idos, tempos de simplicidade e de parcos motivos para muita ambição! Tempos de uma vida simples em que o pouco por tantas e tantas vezes, era muito!
 
 
 

DOCE LEMBRANÇA...PARA QUEM PODE RELEMBRAR!
 
 

terça-feira, 21 de maio de 2013

MORRE O HOMEM, MAS VIVERÁ ETERNAMENTE ATRAVÉS DA SUA ARTE!

Corria o ano de 1989 e o jovem magrito que despontava para a vida, mirava Oeiras pela janela da Pousada da Juventude, mais precisamente em Picoas, um horripilante emaranhado de prédios, com vista pelas traseiras de uma descomposta casa-de-banho, para uma grandiosa avenida onde só se viam viaturas circulando. Um quadro deveras deprimente.
 
Era a idade de se partilharem experiências e numa de muitas, uns auriculares foram parar aos ouvidos do tal miúdo:
 
- Conheces? Não? Vê se gostas...
- Deixa ouvir...
 
Dos auriculares saia um som melodioso de uma espécie de órgão fantasticamente tocado, deveras diferente de tudo quanto o tal miúdo tinha ouvido até então. Êxtase total!
 
- Demais, o que é isto?
- The Doors...
- Espectáculo!
 
Os anos foram passando e o miúdo já homem feito, continuou a apreciar a música daquele quarteto, já há muito extinto e da sua sonoridade tão característica, com a qual teve contacto em Oeiras, com quinze anos de idade, há já muito tempo atrás, refira-se!
 
Ontem dia 20, o mesmo homem que já miúdo foi, teve conhecimento da triste notícia de que o homem que tão brilhantemente tocava órgão como ninguém e conotava o som dos The Doors com uma espécie de aura de misticismo, perdeu a batalha contra o cancro e pereceu na companhia de familiares!
 
O seu nome era Ray Manzarek e para sempre marcou o gosto deste que escreve, o tal miúdo que se fez homem, em termos musicais! Com a sua sonoridade tão típica e ao mesmo tempo tão eloquente o miúdo jamais se separou dos The Doors e em dia de tristeza apraz-lhe somente fazer singela homenagem a um dos fundadores e um dos mais icónicos membros da mais que badalada banda de rock music!
 
 
 
 
 
 
MORRE O HOMEM, MAS VIVERÁ ETERNAMENTE ATRAVÉS DA SUA ARTE!
 
 

"PRAZERES da VIDA" - Iª TERTÚLIA de 2013

 
DIVULGAÇÃO.
 
Para os eventuais interessados, aqui se divulga:

 
Sob o tema "Prazeres da Vida" vai decorrer na sala da biblioteca no edifício da Junta de Freguesia, a primeira tertúlia deste ano de 2013, na próxima sexta-feira dia 24 deste corrente mês de Maio.
 
Para o efeito e enquadrado com o tema, os tertulianos terão a oportunidade de conversar e privar entre eles, falando acerca dos muitos prazeres que se podem usufruir nesta vida. Este noite tertuliana terá o devido acompanhamento musical!
 
As inscrições estão abertas na Junta de Freguesia e este sarau estará aberto a uma participação máxima de 30 pessoas, sendo que o preço a cobrar por cada pessoa é o de sempre, cinco euros (5€).
 
 
Se lhe agrada um ambiente intimo e recatado, celebrado em jeito de reunião de amigos, com música à mistura e muita conversa também, então inscreva-se, esta noite é a ideal pra si, onde a cultura e a animação estarão de mãos dadas!


SEXTA-FEIRA 24 DE MAIO PELAS 20.00H, NA BIBLIOTECA DA JUNTA DE FREGUESIA!


domingo, 19 de maio de 2013

A VISTA QUE SE AVISTA DA VEIGA!

A vista que se avista da veiga
traduzida numa imagem
cor, magia, calma, meiga
reflexo da paisagem!
 
O enquadramento é escolhido,
focado, e bem estudado,
o obturador é depois premido
para após, se ver o resultado.
 
Natureza e mão humana
figuram de mão dadas
numa imagem de vida mundana
 
talvez como num conto de fadas,
escrito em simples grafia
aproveitando uma bela fotografia!
 
 
 
(do autor Sérgio Moreira)
 

O VOO DO BUTEO!

Imagens tratadas no computador através daquele programinha que todos temos nos nossos PC´s, o "paint brush", recortadas e que o mesmo programa amplia, fazendo com que a qualidade se perca na totalidade, mas que mesmo assim, dada a importância da ave retratada, merecem figurar aqui no blogue.

O voo do Buteo buteo, ou Águia-de-asa-redonda, sobrevoando o céu de Lanheses!


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 




Estivessem antes, escanzelados dedos bem "paradinhos", ao invés de por vezes mexericar no teclado...